NOVA SÉRIE DO DISCOVERY TURBO COMBINA MOTORES E RINGUES EM DUELOS DE ROBÔS


 
 
 
Equipes participantes testam invenções robóticas em batalhas com
faíscas e capotagens
 
 

Cena de uma das batalhas

A partir de sexta-feira, 9 de dezembro, às 20h25, o Discovery Turbo une as paixões por ringues e motores com a nova série BATTLEBOTS – BATALHA DE ROBÔS (Battlebots). Os episódios de meia hora acompanham lutas entre robôs construídos especialmente para um torneio de equipes formadas por engenheiros, técnicos em eletrônica e amadores aficionados por robótica.

Os gladiadores podem parecer inanimados, mas quando chegam à arena revelam suas armas secretas e personalidades – há os agressivos, os espalhafatosos e os discretos. No ringue vale quase tudo: lanças e serras que se projetam sobre o adversário espalhando faíscas, alavancas que fazem o oponente capotar, carrocerias que se assemelham a armaduras medievais ou perfis minimalistas como caixas blindadas.

As competições atraem participantes vindos de diversas partes dos Estados Unidos e lançam o desafio: quem fará o robô indestrutível para ficar com título de grande campeão? As equipes aparecem com pequenos tanques de guerra revestidos por aço – e até titânio – controlados remotamente pelos seus capitães. O objetivo dos embates é causar o maior dano possível no oponente. Aquele que conseguir reter o adversário em uma das armadilhas espalhadas pelo ringue e deixa-lo combalido sai vitorioso.

O torneio registrado pela série reúne 24 equipes participantes. Além da apresentadora Molly McGrath, os comentaristas Chris Rose e Kenny Florian contam detalhes sobre os robôs de cada luta. Entrevistas com os construtores das máquinas, suas expectativas e estratégias também fazem parte das transmissões.

No primeiro episódio, quatro lutas acontecem. A primeira delas coloca no ringue o robô "Icewave", da equipe liderada por Marc Devidts, e o "Razorback", do time de Zack Bieber. O "Icewave" tem uma arma secreta de potencial letal para o adversário: pás giratórias pesando vinte quilos e que prometem acabar com qualquer robô que chegue perto.

Depois, a capitã Lisa Winter leva o seu "Plan X" para enfrentar o "Wrecks" da equipe de Micah Leibowitz.  Fã de ficção científica da  década de 1950, Lisa capricha no design do seu robô, que se parece com uma instalação. Contra a estética retrô, o "Wrecks" traz uma lâmina circular e a proposta ousada de se mover sem rodas.

Ainda na estreia, o "Bite Force" encara o peso de uma lenda: o "Warhead", um dos mais antigos e vitoriosos participantes de BATTLEBOTS. Outra luta entre dois veteranos encerra a estreia da série: "Nighmare" versus "Warrior Clan".

SERVIÇO

BATTLEBOTS – BATALHA DE ROBÔS (Battlebots)

Estreia: sexta-feira, 9 de dezembro, às 20h25

Classificação indicativa: 12 anos

 

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Gloob lança mais uma maratona Gloob Duni Tê

Netflix anuncia projeto ainda sem título: nova série infantil animada inspirada em músicas clássicas da Motown

FOX: DESTAQUES DA PROGRAMAÇÃO 1 A 7 DE AGOSTO DE 2016